DÚVIDAS FREQUENTES

A votação será mista, ou seja, via correspondência e presencial (sede do CREMERS), sendo o kit eleitoral postado via Correios.

É importante que o endereço de correspondência esteja atualizado no sistema do Conselho, para garantir o recebimento do kit.

Serão considerados VÁLIDOS os votos que forem RECEBIDOS até o horário de fechamento do dia 28 de agosto de 2019 Agência Central dos Correios em Porto Alegre/RS. 

Assista o vídeo oficial do processo de votação.

O material eleitoral será enviado a todos os Médicos ativos do Estado do Rio de Rio Grande do Sul.

Em caso de atualização cadastral, o kit será encaminhado para o novo endereço para os médicos que realizarem a atualização cadastral até 22 de julho de 2019.

Caso não tenha recebido o material eleitoral, o médico poderá exercer seu direto ao voto comparecendo pessoalmente no dia 28 de agosto de 2019das 8h às 20h, na sede do CREMERS em Porto Alegre.

Em caso de dúvidas enviar e-mail para Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

Votam: Médicos ativos (brasileiros e estrangeiros) inscritos no CREMERS primária e/ou secundariamente que estejam em pleno gozo de seus direitos políticos e profissionais e quites com as anuidades do Conselho. O médico inscrito em mais de um CRM deverá votar em pelo menos um deles.

Dispensados: Médicos exclusivamente militares, conforme art. 6º, § 3º da Resolução 2.182/2018.

Voto facultativo: Somente aos médicos com mais de 70 anos, conforme art. 6º, da Resolução 2.182/2018.

O médico com débitos poderá votar, porém o voto não será considerado válido. Para garantir que o voto seja computado, o médico deve regularizar sua situação financeira perante o CREMERS, estando QUITE até o dia 28 de agosto de 2019.

Clique aqui para emitir a segunda via do Boleto ou entre em contato com o setor Financeiro do CRM-RS através do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou do telefone: (51) 3219-7544 o mais breve possível.

Se o médico não votar e não justificar a ausência do voto até 60 dias após o encerramento da eleição, será aplicada multa eleitoral. A multa não será aplicada aos médicos que possuem voto facultativo. Conforme art. 6º, § 1º da Resolução 2.182/2018.

Serão eleitos 1 (um) Conselheiro efetivo e 1 (um) Conselheiro suplente de cada Regional para a Gestão 2019-2024 do CFM.

Será considerada vencedora a Chapa Eleitoral que tiver a maioria simples dos votos, excluindo os brancos e nulos.

Das 08h00 do dia 27 de maio de 2019 até às 18h00 do dia 05 de junho de 2019 através de protocolo na sede do CREMERS.
Os documentos necessários e a forma de obtenção de cada um estão descritos no menu "Registro de Chapa Eleitoral".
O médico eleitor deve preencher o formulário que estará disponível após a apuração da eleição e anexar o documento comprobatório até 60 dias após o prazo de encerramento da eleição (início 29 de agosto de 2019 e prazo final até 27 de outubro de 2019) caso contrário, será aplicada multa eleitoral.
SIM. Conforme a Resolução CFM nº 2.182/2018, nos artigos 66 e 73 e seus parágrafos, que tratam da propaganda eleitoral, há obrigação legal de envio, por parte do CREMERS, de propaganda eleitoral de TODAS as chapas concorrentes, tanto por e-mail quanto por correspondência, para os endereços cadastrados no Conselho, cujo envio será realizado oportunamente.